"Quero imaginar sob que novos traços o despotismo poderia produzir-se no mundo... Depois de ter colhido em suas mãos poderosas cada indivíduo e de moldá-los a seu gosto, o governo estende seus braços sobre toda a sociedade... Não quebra as vontades, mas as amolece, submete e dirige... Raramente força a agir, mas opõe-se sem cessar a que se aja; não destrói, impede que se nasça; não tiraniza, incomoda, oprime, extingue, abestalha e reduz enfim cada nação a não ser mais que um rebanho de animais tímidos, do qual o governo é o pastor. (...)
A imprensa é, por excelência, o instrumento democrático da liberdade." Alexis de Tocqueville
(1805-1859)

"A democracia é a pior forma de governo imaginável, à exceção de todas as outras que foram experimentadas." Winston Churchill.

domingo, 23 de abril de 2017

ATENÇAO! EM BREVE ESSE VÍDEO VAI SAIR DO AR!

atenção !!! em breve esse vídeo vai sair do ar !!! compartilhe urgente

https://www.youtube.com/watch?v=VtXFMtP0V-o
3 de abr de 2017 - Vídeo enviado por INTERVENÇÃO MILITAR OFICIAL
1 INSCREVA-SE NO CANAL e ATIVE O 🔔 DAS NOTIFICAÇÕES✓ 2COMPARTILHE O VÍDEO EM SUAS REDES ...

23 de abril de 2017
postado por m.americo

COMANDANTE DO EXÉRCITO CRITICA SITUAÇÃO DO BRASIL E MANDA RECADO AOS POLÍTICOS NO DIA DO EXÉRCITGO

COMANDANTE DO EXÉRCITO FALA EM PRESERVAR A DEMOCRACIA

LULA ADMITE QUE SERÁ PRESO, E ARTICULA GOLPE COM A ESQUERDA

GENERAL SURPREENDE EM ENTREVISTA

EDUARDO: A FANTÁSTICA FÁBRICA DE CADÁVER - CD 1 COMPLETO

INFERNO! EDUARDO BOLSONARO ESCULACHA DEPUTADOS QUE GRAVARAM APOIO AO DITADOR DA VENEZUELA

NEUMANNE PINTO: SHEHERAZADE FOI AMORDAÇADA POR SILVIO SANTOS PARA AGRADAR LULA E O PT??

AS FAZENDAS DE LULA E DILMA

BOECHAT: CAPA DA REVISTA VEJA "SE TIVER, DESTRUA" - ACABOU

A CONTRA-REVOLUÇÃO - PARTE 2

A CONTRA-REVOLUÇÃO - PÁRTE 1

#Evento - A Contra-Revolução - Parte I - YouTube

https://www.youtube.com/watch?v=KMdI7RNbq2k
1 hora atrás - Vídeo enviado por Terça Livre
Conheça nosso projeto de TV: http://www.apoia.se/tercalivre » Inscreva-se em nosso canal: https://goo.gl ...

23 de fevereiro de 2017
postado por m.americo

JACQUES WAGNER RECEBIA PROPINAS DA ODEBRECHT NA CASA DE SUA MÃE DE 93 ANOS.

O Jornal Nacional trouxe ontem uma reportagem com as curiosidades do pagamento do dinheiro roubado dos cofres públicos pelas quadrilhas que atuavam no governo do PT. Além de ser curioso o medo que os envolvidos tinham de serem assaltados nas ruas ao transportar o dinheiro, chama atenção o caso de Jacques Wagner, que recebeu pagamentos de propina na casa de sua mãe, Cypa Perla Wagner, imigrante judia de 93 anos que veio da Polônia.

A delação de Hilberto Mascarenhas explica:

Esse valor não era possível ser pago em Salvador porque não existia quem tivesse essa moeda disponível nesse nível. Os doleiros de Salvador não têm volumes que atinjam isso. Então eu propus ao pedinte, na época o Benedicto Junior [diretor da construtora], que pagasse em São Paulo ou no Rio. E foi pago 50% no Rio de Janeiro, se não me engano na casa da mãe do governador na época, foi pago R$ 500 mil lá.

Depois disso, começaram a ter problemas com esse pagamento. O Jornal Nacional relatou assim:

Teve até pagamento de propina na casa de mãe. Hilberto Mascarenhas confirmou que foram pagos R$ 500 mil para o então governador da Bahia Jaques Wagner na casa da mãe dele, no Rio de Janeiro.

Mascarenhas: Ele teve algum problema lá com a mãe dele e não queria mais que fosse usada a casa da mãe dele para fazer esse pagamento. Ele pediu, nós fizemos um esforço grande e conseguimos pagar em Salvador.




Jacques Wagner teve duas petições encaminhadas ao juizado federal de primeira instância após as delações da Odebrecht:

Petição 6.662

Trata-se de petição instaurada com lastro nas declarações dos colaboradores Cláudio Melo Filho (Termo de Depoimento n. 18) e Emílio Alves Odebrecht (Termo de Depoimento n. 15), os quais relatam tratativas entre o Grupo Odebrecht, o ex-Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva e o então Ministro Jacques Wagner para a edição de legislação que possibilitasse a celebração de acordo de leniência entre o Poder Executivo e pessoas jurídicas envolvidas em infrações sem contar com a intervenção do Ministério Público. Tais negociações teriam resultado na edição da MP 703/15.

Petição 6.805

Trata-se de petição instaurada com lastro nos termos de depoimento dos colaboradores Carlos José Fadigas de Souza Filho (Termo de Depoimento n. 9), Marcelo Bahia Odebrecht (Termo de Depoimento n. 30), Cláudio Melo Filho (Termos de Depoimento n. 16 e 17), Hilberto Mascarenhas Alves da Silva Filho (Termo de Depoimento n. 8), André Vital Pessoa de Melo (Termo de Depoimento n. 1) e Benedicto Barbosa da Silva Júnior (Termo de Depoimento n. 60).

Segundo o Ministério Público, os colaboradores relatam a ocorrência de pagamento de vantagens indevidas, no valor de US$ 12.000.000,00 (doze milhões de dólares), a pretexto de contribuição à campanha eleitoral, em favor do então Governador do Estado da Bahia Jacques Wagner. Tais pagamentos teriam sido motivados pela concessão de benefícios fiscais associados ao ICMS que teriam favorecido o Grupo Odebrecht. Narra-se ainda que, em 2010, o então Governador do Estado da Bahia Jacques Wagner teria recebido, a título de presente, um relógio no valor de US$ 20.000,00 (vinte mil dólares). Ainda, no contexto das eleições do ano de 2014, o grupo teria repassado a Jacques Wagner, também a pretexto de contribuição eleitoral, R$ 10.000.000,00 (dez milhões de reais), valores devidos em razão de dívida da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (CERB)


23 de abril de 2017
reaçablog

GILMAR MENDES SE ENCONTRA COM INVESTIGADOS PELA LAVA JATO EM LISBOA COM TUDO PAGO PELOS BRASILEIROS



Desde ontem, dia 21 de abril, tem circulado uma foto tirada na recepção de um hotel de Lisboa em que aparecem, ao fundo, Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) conversando com Arlindo Chinaglia, alvo de um inquérito na Lava Jato. 

Vejam a foto:
A conversa de ambos é apenas uma parte pequena do escândalo.
Arlindo Chinaglia é um dos convidados por Gilmar Mendes para participar do Seminário Luso-Brasileiro de Direito, em Lisboa. O evento é promovido e custeado pelo IDP, Instituto Brasiliense de Direito Público, empresa que tem ministro Gilmar Mendes como um dos sócios e fundadores. 
Além dele, estiveram presentes o ministro das Cidades, Bruno Araújo e o senador tucano Antônio Anastasia, ambos também investigados pela Lava Jato que poderão ser julgados por Gilmar Mendes. Fernando Henrique Cardoso, citado nas delações da Odebrecht, também esteve presente.
O site “Poder 360” trouxe reportagem mostrando que todas as autoridades e outros funcionários públicos deixaram de trabalhar para comparecer ao evento com todas as despesas pagas pelo contribuinte. Vejam as comprovações:



Adicionar legenda
Adicionar legenda


23 de abril de 2017
reaçablog